18 de setembro de 2019

Apala realiza ação educativa na orla de Maceió sobre o Setembro Dourado

Câncer infantojuvenil é considerado uma patologia rara que apresenta características distintas.

 

O mês de setembro já está consagrado como o período em que todas as atenções se voltam para o alerta sobre os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil e para conscientizar a população sobre a importância do Diagnóstico Precoce, a Apala realiza no próximo domingo 22/09, a partir das 9h, na rua fechada da Orla de Maceió, uma ação educativa com panfletagem dos sinais e sintomas do câncer infantojuvenil. A ação faz parte da campanha Setembro Dourado, uma iniciativa da Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer – CONIACC. Na oportunidade, a será comercializado material da Oficina de Artes da Instituição.

O câncer infantojuvenil é considerado uma patologia rara que apresenta características distintas. Ele faz parte de um conjunto de doenças mais agressivas e que se proliferam rapidamente. Entretanto, demonstra perspectivas de cura, se houver um diagnóstico precoce. E com um tratamento rápido e eficaz, as chances de cura aumentam consideravelmente.

Para isso, é preciso ficar atento a certos sintomas que crianças e adolescentes podem apresentar como: palidez, dor óssea, hematomas ou sangramentos pelo corpo, caroços ou inchaços, especialmente se forem indolores e não acompanhados de febre ou outros sinais de infecção, perda de peso sem causa aparente, dentre outros. “O diagnóstico precoce é a estratégia mais importante para se evitar a morte por câncer de crianças e adolescentes”, explica Roberta Fernandes, Coordenadora da Capacitação Diagnóstico Precoce do Câncer Infantojuvenil da Apala.

 

 

Maiores informações:

 

Telefone: (82) 2122-9400/9 9999-9381

Assessoria Apala

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *