8 de setembro de 2021

McDia Feliz: Apala inicia venda antecipada de tíquetes

33ª edição do McDia Feliz vai acontecer no 23 de outubro. Clientes poderão comprar o BigMac pelo e-commerce da Apala

A Apala iniciou no dia 03 de setembro a venda antecipada dos tíquetes da 33ª edição do McDia Feliz, uma das maiores campanhas de mobilização em prol da saúde e educação de crianças e jovens do Brasil. Em 2021 a ação vai acontecer no dia 23 de outubro (sábado), mas a compra do sanduiche BigMac já pode ser garantida pelo e-commerce (https://www.mcdiafeliz.org.br/comprar/27/0/1/) ou presencialmente, com os voluntários e colaboradores da instituição. O valor unitário é de R$ 17,00 (dezessete reais).

A parceria entre o McDia Feliz e a Apala já existe há 25 anos. De acordo com o presidente da instituição, Dr. Ebeveraldo Amorim, a iniciativa da campanha anual proporciona inúmeras melhorias que garantem aos assistidos mais qualidade de vida para que o tratamento do câncer seja o mais tranquilo possível. “Os recursos que chegam por meio das vendas antecipadas são direcionados para diversos projetos educacionais e voltados para a saúde dos assistidos. Há mais de duas décadas o McDia Feliz vem contribuindo com a nossa missão, que é ser referência na assistência e no apoio a crianças e adolescentes com todos os tipos de câncer e adultos com leucemia”, afirmou.

Neste ano, a 33ª edição do McDia Feliz vai beneficiar 67 projetos de 56 instituições que atuam na oncologia pediátrica no Brasil. A lista foi anunciada pelo Instituto Ronald McDonald, organização sem fins lucrativos que há mais de 22 anos atua para aumentar as chances de cura da doença, promovendo a saúde e bem-estar de crianças e adolescentes no país.

“O câncer infantojuvenil é a doença que mais mata crianças de 1 a 19 anos, com o surgimento de um novo caso cada hora Brasil (dados do Instituto Nacional de Câncer – INCA). Somado ao atual cenário da pandemia, esse dado se torna ainda mais alarmante, visto que os pacientes em tratamento oncológicos estão no grupo de risco da Covid-19, e não podem interromper o tratamento. Por isso, mais do que nunca, precisamos da união e solidariedade de todos para que possamos mudar a realidade dessas famílias”, destaca Bianca Provedel, Diretora Executiva do Instituto Ronald McDonald.

Os recursos captados pela Apala com a campanha deste ano serão destinados ao projeto “Quanto mais cedo, melhor!” – Programa Diagnóstico Precoce. Encabeçada pela oncopediatra, Dra. Susana Marinho, a iniciativa irá capacitar profissionais da atenção básica de saúde, pediatras e profissionais de educação dos municípios de Junqueiro, Satuba e Teotônio Vilela, além de residentes em pediatria e acadêmicos de medicina e enfermagem.

A instituição participa do programa desde a sua fase piloto, em 2008, e, em Alagoas, já capacitou mais de 3.200 profissionais e 34 acadêmicos de medicina e enfermagem, em 14 municípios.

Devido ao contexto mundial da pandemia da Covid-19, o McDia Feliz 2021 seguirá uma série de medidas que priorizaram a saúde e segurança dos clientes, funcionários e parceiros da rede, respeitando todos os protocolos estabelecidos pelos órgãos de saúde e pelo programa McProtegidos. Em Alagoas, as habituais apresentações artísticas nas unidades do McDonald’s estão suspensas.

Sobre o McDia Feliz

O McDia Feliz é o principal evento beneficente do McDonald’s e, atualmente, é uma das maiores mobilizações em prol de crianças e adolescentes no Brasil. A campanha é realizada no país desde 1988, gerando recursos para as instituições apoiadas pelo Instituto Ronald McDonald, que atuam para proporcionar mais saúde e qualidade de vida a crianças e adolescentes com câncer. Em 2018, o projeto ampliou seu impacto para beneficiar outra causa de grande importância para o país, a Educação, contribuindo para as ações do Instituto Ayrton Senna. Desde sua primeira edição, mais de R$ 300 milhões já foram arrecadados pelo McDia Feliz.

Sobre a Apala

A Apala (Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas) é uma instituição sem fins lucrativos de utilidade pública Municipal, Estadual e Federal mantida exclusivamente por doações de pessoas e empresas sensíveis à causa, eventuais promoções que a entidade realiza e pela ajuda de voluntários.

Desde 1993, temos como objetivo prestar assistência a crianças e adolescentes com leucemia do Estado de Alagoas, mas a partir de maio de 1996, passou a ajudar crianças e adolescentes com todos os tipos de câncer e adultos com leucemia que necessitam de apoio.

A casa atende pacientes vindos de todos os municípios do estado, uma vez que apenas em Maceió é realizado o tratamento em crianças. A Instituição funciona como “Casa de Apoio”, onde os pacientes e seus acompanhantes recebem todas as refeições diárias, acompanhamento social, pedagógico e psicológico, assistência odontológica, cestas básicas, auxílio na compra de medicamentos, transporte para a realização do tratamento e exames, dentre outros serviços.

Além disso, a instituição promove a realização de projetos que levam ao bem estar do paciente e acompanhante, são trabalhos multidisciplinares onde um corpo de voluntários, parceiros e colaboradores transformam a causa em um ato de compartilhar alegria, amor e solidariedade.

Saiba mais sobre a Apala em http://www.apala.org.br/.

Sobre o Instituto Ronald McDonald

Organização sem fins lucrativos, o Instituto Ronald McDonald (IRM) há mais de 22 anos atua para promover a saúde e bem-estar de crianças e adolescentes, aumentando as chances de cura do câncer infantojuvenil. Para atingir esse objetivo, o Instituto Ronald McDonald trabalha promovendo programas ligados a capacitação de profissionais e estudantes de saúde ao diagnóstico precoce, estruturação de hospitais especializados, a hospedagem para famílias que residem longe dos hospitais, e projetos que visem a disseminação de conhecimento sobre a causa. A ONG faz parte do sistema beneficente global Ronald McDonald House Charities (RMHC), presente em mais de 60 países, coordenando os programas globais: Casa Ronald McDonald, voltado para a hospedagem, transporte e alimentação dos pacientes; e o Programa Espaço da Família Ronald McDonald, que torna menos desgastante o dia a dia das famílias durante o tratamento. No Brasil, há ainda outros dois programas locais: Atenção Integral e Diagnóstico Precoce, com ações específicas de combate ao câncer infantojuvenil. O Instituto conta com o apoio de diversas empresas e pessoas físicas para desenvolver e manter seus programas.

Saiba mais sobre os programas e as instituições beneficiadas em http://www.institutoronald.org.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *